News 36 - Do Ponto de Vista do Outro, Você é o Outro

Tenho enviado as newsletters sempre às segundas-feiras como forma de entregar uma mensagem encorajadora para a semana que se inicia.

Hoje tivemos um pequeno problema como o nosso provedor de e-mail marketing e isso nos impossibilitou enviar a newsletter cedo, como de costume.

Muitas pessoas me escreveram pra saber se havia acontecido algo, pois contavam com a News em suas caixas de entrada. Esse foi uma ótima noticia.

Entretanto, quando informei o que havia acontecido, muitas culparam o provedor.

E isso me fez refletir e reescrever a News que eu havia preparado para hoje.

Pessoas que você conheça talvez queiram sempre culpar ou mudar o outro. Eu estou nesse momento numa reunião de estratégia com uma equipe de comunicação de uma das maiores cervejarias do mundo e, lá eles querem que o outro mude.

Conheço muitos executivos que querem que o outro mude. Meu trabalho tem sido alertá-los que eles só podem mudar a si mesmos. Seus intelectos percebem isso, mas há alguma força interior que insiste em impedi-los.

Então está certo. Vamos pensar assim: se você quer mudar o outro, pense que, do ponto de vista do outro, você é o outro!!!!

E você quer mudar o outro, mude o outro que você é do ponto de vista do seu interlocutor.

Essa mudança da Era Industrial para a Era do Conhecimento está te convidando a mudar sua forma de pensar, sentir e agir, mas nem todos estão aceitando o convite, mas querem entrar na festa.

Pouco provável que isso aconteça. Para entrar na festa há um preço e o preço é mudar seu modelo mental, implementar uma visão de Design Thinking, colocando o outro no centro da estratégia e focar na solução, no resultado.

Há dois tipos de conflitos:

1. o conflito baseado na crença, onde duas pessoas discutem suas crenças e acabam por chegar ao conflito. Essa tem sido a forma reinante de discutir os temas humanos. O conflito negativo

2. e o conflito baseado no resultado, onde duas pessoas cocriam, desenvolvem soluções baseadas no resultados que querem atingir e, para isso, usam suas crenças como recursos, quando são convergentes, e as mudam quando são divergentes. O conflito positivo

É na opção 2 que mora o humano.

Dia 07/12 vou falar sobre isso na 51a Reunião da Qualidade no PGQP/MBC em Porto Alegre e gostaria de convidar você a participar e que seja uma oportunidade de ajudar você a revisar o seu modelo mental.

Mais uma vez quero te agradecer por estar presente e me permitir compartilhar algumas ideias com você.

A cada dia aumenta o interesse por esses temas que temos conversado e mais pessoas estão solicitando receber as News. São muitas pessoas querendo levar sua liderança para o próximo nível. Já estamos com mais de 100.000 assinantes da newsletter.

Se você acha que um amigo pode se beneficiar, fale pra ele me enviar seu e-mail ou peça pra ele acessar www.instiad.com.br e cadastrar seu e-mail por lá.

Para falar comigo, você sabe, basta escrever para lcbinato@instiad.com.br

Se quiser ter acesso a mais informações, acompanhe no

Facebook – www.facebok.com/lcbinatodho

Linked In – Luiz Cláudio Binato

Twitter ou Periscope - @instiad

Pinterest – Luiz Cláudio Binato

Que você seja vitorioso (a) essa semana e obrigado pelo sua presença.

Te desejo uma ótima segunda-feira, força sempre, boa jornada e vamos com tudo.

#otreinamentonuncatermina

Luiz Cláudio Binato

Founder & CEO

News em Destaque
Todas as News
Arquivo
Procurar por tags
Nenhum tag.
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black LinkedIn Icon

© 2023 by INSTIAD Human & Business School