• Black Facebook Icon
  • Black Twitter Icon
  • Black LinkedIn Icon

© 2023 by INSTIAD Human & Business School

Please reload

Todas as News

News 38 - A Liderança Como Forma de Mudar o Mundo

March 15, 2016

1/10
Please reload

News em Destaque

News 4 - Mudar o Mundo

April 6, 2015

Você sempre tem a chance de rever seu posicionamento pessoal diante dos seus papeis como executivo (a), pai/mãe, filho (a), etc.

 

Aliás, posicionamento é uma palavra chave para definir quem você quer ser no momento em que estiver sendo.

 

Em gestão isso é uma prática relevante.

Estive, neste final de semana, participando de um evento com empresários e executivos do agro negócio e ratifiquei uma visão que já tenho há tempos: o diferencial das empresas são as pessoas, a começar pelos seus líderes.

 

E o mais interessante, os lideres, por serem pessoas, precisam de ajuda.

Neste evento no qual participei, mostrou a importância do papel da liderança.

 

Participaram vários palestrantes como José Luis Tejon, Rodolfo Ohl, Paula Abreu, Ricardo Jordão, dentre outros.

 

No sábado eu apresentei o Modelo do Pensador e no domingo fiz duas demonstrações de sessões de desenvolvimento humano usando a abordagem de Coaching, ao vivo, para as quase 300 pessoas que lá estavam.

 

Durante todo o final de semana falamos em mudanças e transformações. Eu estou convicto de que há mudanças em curso. E mudanças fortes. Esse evento, promovido pelo aluno e coachee Miguel Cavalcanti, reforçou isso.

 

Há um chamado para mudar o mundo. Ouvi muito isso por lá. E eu, pessoalmente, tenho o meu plano para mudar o mundo, ajudando-o a sair de um modelo de negócios baseado no medo, para um modelo de negócios baseada na confiança. Perceba que o mundo opera numa lógica de sobrevivência, o que demanda um pensamento de escassez, levando pessoas a competirem e fazendo a chefia atuar na base do comando e controle, ensejando o condicionamento das pessoas, as tornando zumbis corporativos, pessoas que andam sem saber exatamente para onde estão indo.

 

Há uma nova lógica no cenário baseada na prosperidade, onde a cooperação passa a ser o paradigma, desenhando uma nova liderança baseada na influência e inovação que reverbera em uma nova consciência individual e, consequentemente, coletiva.

Isso me parece viável, pois a cada dia vejo empresas, equipes e indivíduos aderindo a esse movimento que inaugura o que chamo de Era da Consciência.

 

O INSTIAD está imbuído de fazer esse movimento. Reunir lideres empresariais dos diversos setores e criar o ambiente adequado para instaurar a prosperidade, a abundância, a cooperação, a liderança inovadora e uma nova consciência.

 

Isso pode ser feito e vi isso acontecendo no evento do qual participei. Vi pessoas começando a mudança por si mesmas, fazendo as transformações que têm vontade de fazer e determinando ser quem querem ser no momento em que estiverem sendo.

 

A mudança do mundo começa por você, por mim, por cada indivíduo. Mas precisa de uma direção clara, um forte viés de assunção de responsabilidade e uma posicionamento de protagonista.

Ontem o Brasil assistiu mais uma das manifestações contra esse estado de coisas. Tais manifestações são licitas, claro. Mas enquanto elas aconteciam, quase 300 profissionais do agro negócio estavam dialogando sobre estratégia, liderança, gestão, desenvolvimento pessoal e profissional, inovação, auto conhecimento e assuntos afins.

 

Não quero comparar uma coisa com a outra, mas quando vou pra rua reclamar exerço um direito e muito devido, por sinal. Porém, quando me reúno para buscar a solução eu exerço um dever. O dever de ser feliz e de buscar a felicidade a despeito do estado de coisas, das circunstâncias.

Ouvi muito a afirmação que diz que quem quer faz, quem não quer arruma uma desculpa, uma justificativa.

 

É algo pra pensar, mas não no coletivo.

 

Quero te convidar a começar esse semana de uma outra forma. Partindo da News 3, que abordou a assunção de responsabilidade, quero te chamar para pensar sobre o mundo que você vive, o mundo que você percebe a partir de sua própria ótica, sem o viés dos tele jornais e outras mídias.

Quero te sugerir pensar nos resultado que vem tendo e nas ações que vem fazendo para melhorá-los, elevá-los. A pensar na forma como está estabelecendo seus relacionamentos.

Quero te fazer o convite de se juntar a nós nesse movimento de mudar o mundo a partir de você, a partir de suas percepções, de suas própria responsabilidade em assumir o seu papel e decidir qual a melhor forma de viver. Como lidar com as pessoas com as quais você trabalha, com as quais você se relaciona, com as quais você faz negócios.

 

Relacionamento é uma palavra chave e a qualidade do seu relacionamento com os outros está diretamente ligada a qualidade do seu relacionamento com você mesmo.

Sua habilidade intrapessoal define sua aplicação no interpessoal. O “EU” deve estar preparado para atuar no “NÓS”.

 

Vejo isso como uma grande oportunidade e meu trabalho tem sido o de trazer isso a consciência de empresários e executivos: a mudança que você quer para o mundo deve começar por você.

Por você ser capaz de definir seus RESULTADOS;

Aferir e escolher os seus COMPORTAMENTOS;

Entender e administrar as suas EMOÇÕES e aprender a lidar com as do outro;

Conhecer e liderar o seu sistema de CRENÇAS;

Dominar o seu modelo de VALORES;

Explicitar sua carta de PRINCÍPIOS;

Descobrir o seu CHAMADO/PROPÓSITO

Alinhar sua MISSÃO;  e

Construir o seu LEGADO.

 

Se você fizer isso, eu te garanto que, para você, o mundo terá mudado. Se fizermos todos, teremos uma nova era se apresentando.

 

Convido a conhecer o novo site do INSTIAD, www.instiad.com e ver de perto como temos ajudado indivíduos, equipes e organizações a mudar o presente, ressignificando o passado e construindo o futuro.

 

Força sempre, boa jornada e vamos com tudo.

 

Luiz Cláudio Binato

Founder & CEO

INSTIAD

 

 

Please reload

Siga

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Procurar por tags